16/07/2018

Espelho, espelho meu, existe alguém mais destrambelhada do que eu?


Acho que se meu espelho falasse, responderia com um enorme não.  Entre quedas, esbarrões e tropeços, existe em minha vida também a mão frouxa, que sai derrubando praticamente tudo o que pega. E nesse final de semana foi a vez do meu blush mais queridinho. Aquele que uso todo santo dia. Estava me arrumando para sair com as amigas quando pego ele e PÁ, deixo cair... meu pobre coraçãozinho foi aos pedaços 💔. O bonitinho ainda caiu fechadinho mas, para o meu azar, todo trabalhado na destruição. E agora, o que fazer para salvá-lo?  Olhando as minhas coisas, achei um frasco de soro fisiológico e pensei: porque não? Afinal, mal não fará.  E não é que deu certo?! Vamos lá:

1º  - peguei o bonitinho e terminei de quebrar o que faltava
2º - coloquei algumas gotas de soro e, com um pincel, dei aquela misturadinha e, em seguida, fui apertando para que fixasse no potinho.
3º - com um papel toalha, fui retirando o excesso do soro.
4º - deixei secar de um dia para o outro. 
5º - dei mais uma pressionada com um papel toalha para ter certeza que já estava sequinho. 
6º - dei pulinhos de alegria por ter meu queridinho de volta 





💗

19/06/2018

Cores: é arraiá minha gente....


Preparar eventos e mexer com decoração sempre foi algo que me deixou muito feliz mas, nos últimos meses, andei tão sobrecarregada com tarefas diárias que acabei esquecendo de como isso me fazia um bem danado. Então, nas duas últimas semanas eu e mais três colegas de escritório nos dedicamos na organização da nossa festa junina. E, gente, como fazia tempo que eu não me sentia tão feliz. Sabe aquela cansaço gratificante? Mais ou menos isso.  A ideia do arraiá veio em um dia bem triste, mas logo superado a cada conversa de whats e ideias que rolavam no grupo. Foi uma tarde de sábado inteira fazendo bandeirinhas (😂). Mais umas algumas horas após expediente preparando outros detalhes da decoração, que ficou uma graça (😍).  Abaixo, deixo as dicas para quem também está pensando em fazer uma arraiá nos próximos dias:

- Dando as boas vindas. 

Essa foi pensada na hora da arrumação. Tipo, aos 45 do segundo tempo, enquanto organizávamos o espaço da nossa festa. Já tínhamos o balãozinho (foto) para a decoração. Anteriormente, eu tinha pensado em fazer uma espécie de placa de boas vindas para ser colada logo na porta de entrada. Sabe aquela história de "duas cabeças pensam melhor que uma?", bem, foi mais ou menos assim que funcionou. Enquanto ajeitávamos a entrada, olhamos para o balão, pensamos nas placas e unimos os dois, como se o balão estivesse voando com uma faixa, saca? Ficou assim:



- Garrafas decoradas

Aqui tem dedo (na verdade a mão inteira) da Samara. Bom, a ideia de usar garrafinhas de cerveja na decoração não é novidade. Mas como deixar com jeitinho de arraiá? Ai entra o saco de estopa...ou como a Samara diz: a juta (gente, quem chama isso de juta? Devo estar muito perdida 😂😂). Olhem só que amor que as garrafinhas ficaram!



- Bolo de pipoca

Aqui o crédito é todo da Jéssica. Viu em algum lugar, foi atrás do papelão, passou a manhã de um feriado cortando da maneira que deveria ficar e passou mais um tanto colando a pipoca, uma por uma, no bolo falso (isso quando as irmãzinhas não furtavam a pipoca do pote para comer 😂😂). Conclusão: 



Obs: curtiram a plaquinha do sistema? Coisa de Jé, também!

- Cestas para os docinhos
O nosso combinado era deixar a mesa de comidas bem colorida, usando inclusive cestinhas (sabe essas de presentes?). A minha eu pensei em fazer bandeirinhas. Queria algo bem colorido, mas não sabia ao certo como faria. Até que encontrei meus post it e decidi usá-los.  Bom, a minha ficou assim:   


- Barraca do Beijo

Um bom arraiá não pode ficar sem uma barraca do beijo, nem que não seja literalmente uma barraca (entendeu? nem eu! 😅). Mesmo sem entender muita coisa, a invenção da Jé (olha ela novamente) fez um sucesso danado na nossa festa. Olha que graça!

Lógico que nessas horas a gente beija o nosso verdadeiro amor, né?😂😍

- Plaquinhas 

Como eu disse para as meninas enquanto planejávamos a festa: nada se cria, tudo se copia e um viva para a internê, afinal, foi fuçando entre as páginas que encontrei essas plaquinhas fofas que imprimi, colei no papelão e também fizeram um sucesso danado na festança, uai...(olha eu ainda em clima caipira). Entre as plaquinhas estava essa formosura aqui ó:




- Nome do evento

Esse, meus caros, deu um bom trabalho!! Decidi fazer bandeirolas com os dizeres: 1º Arraiá do Ortec (nome da empresa em que trabalhamos). As letras foram feitas em papelão e, a princípio, seriam finalizadas com glitter azul escuro (cor da logo do escritório). Porém, o glitter estava em falta em grande quantidade (a papelaria disse ser culpa da copa) e, então, acabei optando por colar um papel de decoração que já é vendido amassadinho (ele lembra muito o papel crepom). E não é que ficou bom? Mas colar um por um foi de doer as costas. Por fim, as letras foram coladas em bandeirolas feitas em papel branco sulfite (por favor, amores, quando fizer, lembrem-se de utilizar rascunhos).



- Usando caixotes...

A dona Jéssica (olha ela novamente) tinha uma prateleirinha de caixotes e adivinhem? Foi para nossa decoração também. Era uma das primeiras coisas que nossos convidados observavam quando entravam na festa. Ali, além da decoração, estavam as plaquinhas  e a barraca do beijo para quem quisesse....Os caixotes foram decorados com espigas de milho, tecidos coloridos, balões e as nossas garrafinhas. Um amor, né?



Bom, nossa festa foi muito divertida. Teve muitaaaa comida boa, cerveja geladíssima e muitos elogios a organização (valeu, gurias!). Gostaram das ideias?  Até a próxima!

*** 
Quer ler mais sobre decorações de festas? Já falei sobre Como montar um chá  aqui e aqui ...vem ver, é só ideia baratinha e fofa 💗


27/05/2018

Cores: Lichia - Vult


Uma das coisas que sempre chamou atenção durante meus quatro anos trabalhando na faculdade era a minha paleta de esmaltes. Toda a semana o comentário entre as meninas nos intervalos era certo. Hoje, fazendo uma geral no meu carrinho, encontrei esse esmalte da Vult, o Lichia. Recebi ele em uma das edições da Glambox e confesso que não lembro de ter usado.  Bom, foi a escolha da vez. 

> O que achei: ele é cremoso, com boa cobertura e aplicação. Gostei. Sem contar que a cor é linda. 


20/05/2018

Tem dias que não dá!

Tem dias que o trabalho não rende; 
Que a companhia não agrada;
Que o patrão não te compreende;
Que os colegas não colaboram;
Que as horas não passam;
Que toda paciência que você tem parece ser pouca ou, simplesmente, inexistir.
Tem dias que você se pergunta "que diacho estou fazendo aqui"?
Onde eu deixei meus planos?
O que é que estou fazendo da minha vida? 
Tem dias que as perguntas são tantas e que parecem que as respostas simplesmente não aparecem. 
Tem dias que não vemos luz ao fim do túnel. Mas o fim está lá. Logo a solução chega. 


Para esses dias, café!
Desenvolvimento por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo