16.12.13

#Textos: Eu avisei

Eu avisei! 
Juro que não existe maior tapa na cara do que essa frase. Quer me tirar do sério é falar isso em conjunto com um sorriso irônico.  O lado bom, se é que isso existe, é que não ocorre só comigo. Pelo menos eu espero que seja assim. 

Me lembro quando estava na sétima série, lá no ensino fundamental, e um professor me falou um dia: " Quando estiver fazendo uma prova objetiva, procure não voltar nas questões que você já respondeu. A probabilidade de você trocar a resposta certa por errada é grande". Tinha algo a ver com subconsciente. E não é que lembrei dele no último final de semana durante uma prova de concurso? 

Enquanto eu conferia o gabarito, parecia que a sala da minha casa estava sendo desmontada e, no lugar, surgia paredes da sala de aula. Na minha frente estava aquele mesmo professor, entregando as provas aplicadas dias antes. Lembro da conversa que tive com ele sobre a prova. Tudo o que foi dito, ao certo, não me recordo...mas aquela frase "minha amiga, eu avisei" ficou ecoando na minha mente. 

"Eu avisei" ganhou quase que um espaço especial a minha vida. Quando não sou eu que faço uma burrada e digo a referida frase em alto e bom som para ver se eu aprendo, algum amigo engraçadão faz questão de lembrar que o fatídico episódio já não daria certo.  

Quando isso ocorre, aplico a filosofia do "sorria e acene".  Tem dado certo, eu acho! Pelo menos ando menos irritada. Mas confesso que não é 100% eficaz. Em alguns casos espero pela revanche. Afinal, chegará o dia em que serei eu que falarei "eu avisei". Ah, sonhos...por que desistir deles?  rs


Por Karoline Kuhn 
Quarta tem mais, beijos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desenvolvimento por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo